Sant’Ana do Livramento comemora três anos da Patrulha Maria da Penha no município

Neste sábado (15), Sant’Ana do Livramento comemora três anos da implantação da Patrulha Maria da Penha. Através de um trabalho conjunto de atendimento e acolhimento às mulheres vítimas de violência doméstica, a Brigada Militar e o Centro de Referência da Mulher Professora Deise realizam um importante trabalho social na cidade.
 
O trabalho da Patrulha Maria da Penha, através da BM
Através da Patrulha, são realizadas visitas semanais as residências das vítimas, a fim de conferir se a Medida Protetiva está sendo cumprida, além de esclarecer as dúvidas das usuárias, fornecendo informações, averiguando a necessidade de cada caso e encaminhando as mulheres ao Centro de Referência da Mulher Professora Deise e a outros órgãos, caso seja necessário. Em casos de extrema urgência também é feito o encaminhamento para a Casa Abrigo, localizada na cidade de Bagé.
Nos casos onde há necessidade, os policiais fazem a visita ao agressor para orienta-lo a respeito do deferimento das medidas protetivas e as consequências que serão acarretadas a ele caso venha a descumpri-las.
 
A atuação do CRM e a importância da atuação conjunta
A coordenadora do CRM Professora Deise, psicóloga Éden Sara Bjoski, destaca a importância da atuação dos policiais junto ao trabalho de acolhimento realizado pelo Centro, que dão mais segurança e proporcionam o sentimento de proteção as vítimas. No CRM, as mulheres recebem acompanhamento psicológico e suporte jurídico. Além disso, são realizadas reuniões semanais, todas as terças no Centro. “É um grupo terapêutico, onde nós damos o suporte e apoio às vítimas. Nós percebemos que este trabalho em grupo é muito positivo para as mulheres”, destacou a coordenadora.
Para a secretária municipal de Assistência e Inclusão Social, Carla Saraiva, o trabalho das equipes contribui para a atuação de sua pasta como um todo. “A Patrulha contribui no trabalho de proteção às mulheres em situação de risco e de vulnerabilidade social, que é o público prioritário da Secretaria de Assistência e Inclusão Social”, ressaltou.
 
Vice-prefeita comemora trabalho da Patrulha
Para a vice-prefeita, Mari Machado, o aniversário de implantação da Patrulha no município tem um significado especial. Mari participou da elaboração da lei que institui a Patrulha, na época, atuando junto ao Conselho Nacional de Direitos da Mulher. Para a Vice-Prefeita, a Patrulha atua como uma ferramenta importante, que simboliza o avanço no enfrentamento a violência contra a mulher.  “A patrulha é um equipamento que fortalece a Lei, que fortalece a política pública de enfrentamento à violência doméstica. Sou militante feminista há mais de 30 anos e como tal comemoro esta conquista da nossa cidade, que veio somar à rede que iniciamos a construir em 2005, com a implantação do Centro de Referência da Mulher Professora Deise e o Programa de Atenção Integral à Saúde da Mulher- PAISM, programa que iremos retomar em nosso governo”, pontuou.  
                
Café da manhã para celebrar
 
Para comemorar a data, o CRM promoveu um café da manhã festivo na manhã desta sexta-feira (14), homenageando os policiais que atuam na Patrulha, soldado Jenifer e soldado Felipe. Estiveram presente a procuradora jurídica Valeria Argilez, representando o prefeito Ico Charopen; a Delegada da Polícia Civil, Giovana Muller; o Sub Comandante do 2º RPMon, Major Antônio Zinga Junior; os comandantes da BM, Tenente Oriovaldo Cardoso Gomes e Tenente Luís Correa; a Secretaria de Assistência e Inclusão Social, Carla Saraiva; a Coordenadora da Mulher, Margarete Pedroso e a Vereadora Marcia da Rosa.
 
FOTOS: FABIANA FERREIRA/ASCOM

 

Rate this item
(0 votes)
Login to post comments
Topo