Prefeita apresenta alterações no Decreto de Calamidade Pública

Na última sexta-feira (27), durante entrevista coletiva, a prefeita Mari Machado anunciou as alterações no Decreto de Calamidade Pública em função do coronavírus – em vigor desde o último dia 20 - que passa a valer no município a partir do dia 28/3, sábado. 
 
Com prazo de sete dias, o novo Decreto inclui novos serviços como essenciais, que poderão ser retomados cumprindo condições como, orientações de higiene e equipamentos de segurança para os funcionários, além de medidas de distanciamento entre as pessoas. Entre os serviços estão, por exemplo, o funcionamento de unidades lotéricas e correspondentes bancários; serviços de hotelaria e hospedagem; construção civil; ferragens e serviços de “mototáxi”. Todos tem regramentos específicos que serão fiscalizados. 
 
Além disso, o documento apresenta alterações já anunciadas durante a semana, como a liberação dos serviços de “delivery”. Outros serviços continuam restritos, a exemplo do decreto anterior.
 
Durante a apresentação, Mari frisou que o Decreto segue o modelo do Estado, e que as medidas foram estabelecidas após a análise desta primeira semana e conversas com diversos setores. “Busquei ter serenidade, ouvindo muitos segmentos. Mas, deixo claro que minha primeira tarefa é cuidar da saúde das pessoas. Certamente dependemos da colaboração de cada um”, afirmou, destacando a importância do distanciamento social neste momento em que a curva de contaminação está ascendendo em todo o país. 
 
Mari ainda relatou que se preocupa com a economia do Município e que a Administração Municipal está trabalhando na elaboração de um Plano Estratégico prevendo a flexibilização  das medidas restritivas estabelecidas neste período. “A prioridade é a vida das pessoas, embora tenha muita preocupação com a economia, percebi que os setores com que conversei também têm o mesmo entendimento”, destacou. 
 
Além de pedir a colaboração no combate ao vírus, Mari solicitou o apoio da comunidade também no combate a dengue, pedindo que os moradores realizem a limpeza dos pátios, evitando o acúmulo de água parada. E finalizou agradecendo o trabalho incansável dos trabalhadores da saúde no Município, da força tarefa de fiscalização que envolve servidores e forças policiais e a colaboração de voluntários. Destacou também as doações recebidas e o gesto da câmara de vereadores de abrir mão do recebimento de 60 mil reais do duodécimo, além da liberação de 1,7 mi de orçamento que estava previsto para emendas impositivas para alocação no orçamento da saúde e da assistência.
 

 

Foto: Assessoria de Comunicação Social || Fonte: Assessoria de Comunicação Social

Rate this item
(0 votes)
Login to post comments
Topo