Prefeitura reúne comitê de crise formado por autoridades locais

Sant’Ana do Livramento continua avançando nos protocolos de prevenção ao combate do Coronavírus e se prepara para o pico máximo de contágio, previsto para o início da segunda quinzena do mês de abril. 
A prefeita municipal Mari Machado, reuniu na tarde desta terça-feira (31), autoridades de saúde, da justiça e de segurança pública estadual e federal, que estão envolvidas diretamente com a situação do município contra a pandemia mundial. Participaram da reunião: o tenente-coronel Marco André Santos, comandante do 7º RCMec; Carlos Danúbio Nunes do Santos, adjunto do comando 7º RCMec; tenente Jeferson dos Santos, médico do 7º RCMec; Camila Bortolotti, procuradora da República; Roberto Muniz- Polícia Rodoviária Federal; tenente-coronel Otero, comandante do 2º RPMon, da Brigada Militar; major Silveira, Brigada Militar; delegado Leonei Almeida da Polícia Federal; delegada regional da Polícia Civil, Ana Tarouco; promotor de justiça Sandro Marones; médico Juan Marcos, Santa Casa; Wainer Machado, Santa Casa; Valmir Silveira, Santa Casa;  Sérgio Aragon, secretário de Saúde; Ari Martins, procurador Sisprem; coordenador da Defesa Civil de Livramento, Miguel Pereira e procuradora e secretária de assistência social Carla Saraiva.
 
Mari informou que que a Secretária de Saúde adquiriu 300 testes para utilizar no pessoal de saúde que faz a linha de frente nesta situação e os casos de contaminados que apresentem insuficiência respiratória. Anunciou também o repasse de R$ 237 mil pelo governo do estado para a estruturação da triagem que está sendo organizada na frente do hospital Santa Casa. Também anunciou que o governo do Estado informou na tarde desta terça-feira, mais 10 leitos UTI equipados para o nosso hospital. “Estou muito consciente sobre atitudes que já tomamos e ciente da responsabilidade com a nossa população e da necessidade de cumprimento do decreto municipal”, disse a prefeita.
O comandante do Regimento, Marco André, destacou que apresentou para a prefeita uma estrutura chamada inicialmente de Enfermaria de Campanha, que poderá ser instalada no Ginásio do Irajá.
O médico Juan Marcos esclareceu a gravidade da situação e que neste momento o isolamento social é a arma mais eficaz para não colapsar o sistema emergencial montado em Livramento. 

O atendimento inicial dos casos está sendo via telefone, na Vigilância Epidemiológica através: (55) 996553160 - (55) 999846281 - (55) 996156275.  As pessoas que apresentam algum sintoma, como febre, gripe, dor de cabeça ou falta da ar, são orientadas por um profissional de saúde. Esse paciente que continua em isolamento social em casa, passa a ter um acompanhamento de sua situação. Se apresentar um agravamento do seu quadro, especialmente dificuldade para respirar, será encaminhado para uma triagem, onde será testado para o covid-19. Se diagnosticado positivo para corona, dependendo do seu quadro de saúde, poderá ficar internado em isolamento ou  ou ocupará um leito de UTI.
Atualmente a Santa Casa possui 18 leitos para isolamento; 10 leitos UTI com respiradores e mais os 10 leitos extras que serão montados também com respiradores.
 
Foto: Assessoria de Comunicação Social || Fonte: Assessoria de Comunicação Social
Rate this item
(0 votes)
Login to post comments
Topo