Prefeita Mari Machado anuncia novas medidas no Decreto nº 9049

A prefeita Mari Machado apresentou nesta quinta-feira (7), durante coletiva de imprensa, o novo decreto que ratifica a declaração de calamidade pública em Livramento em função do coronavírus, e determina medidas para os próximos 25 dias no Município. Além de representantes dos veículos de comunicação, o ato de apresentação contou com a presença da coordenadora da Vigilância Epidemiológica, Gabriela Formoso; da procuradora e secretária de Assistência Social, Carla Saraiva; dos diretores da Santa Casa de Misericórdia, Valmir Silveira e Juan Marcos e do coordenador da Defesa Civil, José Fagundes.
 
Em sua fala de abertura, Mari anunciou que o exame do homem que faleceu nesta semana com a suspeita da COVID-19 apresentou resultado negativo para a doença. Antes de anunciar as novas medidas, Mari destacou que as medidas de isolamento realizadas entre março e abril foram determinantes para a diminuição do contágio na cidade. 
 
Indo ao encontro da manifestação da Prefeita, o diretor técnico da Santa Casa, Dr. Juan Marcos destacou a importância da conscientização da população quanto as medidas preventivas: "O cidadão tem nas suas mãos a decisão da prevenção", pontuou. A coordenadora da Vigilância Epidemiológica também fez uso da palavra, explicando como funcionam os testes de diagnóstico da doença.
 
Com alterações pontuais em relação ao decreto anterior, o Decreto nº 9.049 estabelece mudanças como a obrigatoriedade do uso de máscara de proteção facial nas ruas e vias públicas, bem como em todos os estabelecimentos comerciais. O descumprimento da medida implicará em multa ao cidadão no valor equivalente a 01 URFM (R$ 72,95).
 
O documento também passa a permitir a realização de feiras de artesanato e produtos, obedecendo os regramentos de distanciamento e higiene. Além disso, o documento reúne ainda serviços que já foram liberados através de comunicados oficiais nas últimas semanas, como o funcionamento de academias, lan houses e cyber cafés, além dos serviços de buffet. Todos estes continuam com os mesmos regramentos já estabelecidos nos comunicados. 
 
Quanto ao transporte coletivo, o Decreto nº 9.049 determina que as linhas e os itinerários devem ter seu atendimento normalizado, funcionando de segunda a domingo e podendo transportar até 70% da sua capacidade de lotação. 
 
O documento também estabelece regras para a realização de excursões de compras, tendo como origem o Município. Neste sentido, só poderão ser realizadas viagens para dentro do Estado, mediante apresentação de relação de passageiros e seus respectivos contatos para a Vigilância Epidemiológica - que irá realizar o monitoramento. Outro regramento diz respeito a Educação Municipal, que determina a suspensão das aulas até o dia 30 de maio e apresenta determinações quanto a recuperação das aulas.
 
Em relação as proibições mantidas, a Prefeita foi enfática ao determinar que não serão admitidos veículos com fins turísticos no município. "Iremos fiscalizar efetivamente, com o apoio de órgãos de segurança, a entrada deste tipo de transporte", destacou Mari.
 
"Tenho a tranquilidade de que os caminhos que estamos trilhando são os mais corretos, valorizando a vida das pessoas", frisou Mari, que encerrou a coletiva agradecendo o trabalho dos servidores da linha de frente.
 
 
Foto: Assessoria de Comunicação Social || Fonte: Assessoria de Comunicação Social
Rate this item
(0 votes)
Login to post comments
Topo