Brasil recebe até 41% a menos pela carne

Um levantamento do Centro de Inteligência da Carne Bovina (CiCarne) da Embrapa verificou o desempenho dos vinte maiores exportadores de carne bovina fresca, resfriada e congelada. Os pesquisadores observaram quantidade e agruparam de acordo com volume exportado e preço cobrado.

O resultado do Brasil fica bem abaixo de seus principais concorrentes.  A carne brasileira aparece como de preço baixo e quantidade alta.  O país foi o maior exportador em volume, com 1,56 milhões de tonelada equivalente carcaça (TEC) mas os preços pagos ficou entre 27 e 41% mais baixo do que a concorrência, em uma média de US$ 4,17 por kg. 

No topo estão EUA (US$ 7,17) e Austrália (US$ 5,76). No entanto o estudo sugere que estes países tem baixa eficiência produtiva e precisam elevar esse aspecto para ter margens de lucro maiores. Para o Brasil a sugestão é promover ações para agregar valor e qualidade para mercados mais exigentes e que pagam mais.

Imagem: Marcel Oliveira

Por: AGROLINK -Eliza Maliszewski

Rate this item
(0 votes)
Login to post comments
Topo