Startups do agronegócio brasileiro para ficar de olho

De acordo com agrônomo Renato Seraphim, as startups com foco no agronegócio, também chamadas de Agtechs, estão se tornando cada vez mais numerosas, sendo que pesquisas recentes mostram que em um universo de 12.000 startups no Brasil são quase 1100 focadas no agronegócio, refletindo o grande peso do Agronegócio na economia brasileira. O especialista afirmou que, nos últimos anos, melhorar a infraestrutura no Brasil, como conectividade, penetração móvel, imagens de satélite, alfabetização digital, tem sido fundamental para o desenvolvimento desse ecossistema Agtech. 

Em um texto publicado no portal chinês AgroPages, ele listou uma série de startups brasileiras do agronegócio que podem ser influentes. São elas: 

Agristamp: 

Sediada em São Paulo, a Agristamp é uma plataforma simples e rápida para contratação de seguros agrícolas. O mercado de seguros agrícolas no Brasil era, em um passado não muito distante, burocrático e muito caro. Entendendo essas necessidades dos agricultores, a Agristamp criou uma plataforma com produtos de seguros que são simples, acessíveis e eficazes na redução dos riscos climáticos.  

Atomic Agro: 

 A Atomic é uma empresa de Uberlândia / MG, que começou com o objetivo de criar uma estrutura de banco de dados, que, por meio de entrevistas, visava catalisar informações como tamanho da propriedade, variedades plantadas, custo de produção, desempenho de colheita, preço dos insumos e muito mais.   

Bart Digital: 

 A Bart digital tem sede em Londrina / PR e foi criada para solucionar problemas nos processos de financiamento, todos nós sabemos o quanto o Brasil é burocrático, e a solução da Bart principalmente nas questões de recebíveis e garantias trouxe confiabilidade e agilidade ao sistema.  

Digifarmz: 

DigiFarmz é uma plataforma digital criada por um dos maiores fitopatologistas do Brasil, Ricardo Balardin, que já usou mais de 18 fatores bióticos e abióticos para apoiar o agricultor na tomada de decisões. 

A lista ainda inclui Flex Interativa, Go-Flux, Grão Direto, INOVAFARM, Safetrace, Seedz, Solubio, Terra Magna e TrAIve.

Fonte: https://www.agrolink.com.br/

Por: AGROLINK -Leonardo Gottems

Imagem: Pixabay

 

Rate this item
(0 votes)
Login to post comments
Topo