Viagem barata: como economizar no passeio?

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Se você ama viajar, mas está com pouco dinheiro, confira algumas dicas simples para conseguir economizar no passeio.

É difícil encontrar quem não goste de viajar. Conhecer novas culturas, modos de viver, gastronomia e lugares com vistas e histórias incríveis é uma das atividades mais prazerosas que existem.

Contudo, muita gente acaba viajando bem menos do que gostaria por conta do orçamento apertado. Mas é possível viajar gastando um pouco menos com medidas simples que podem ser aplicadas em qualquer destino. Por isso, se você está procurando pacotes promocionais, confira dicas simples para economizar durante o passeio e curtir sem gastar tanto.

Pesquise com antecedência

O primeiro passo para reduzir os gastos durante uma viagem é pesquisar tudo com antecedência, começando pelas passagens (aéreas ou de ônibus), a hospedagem e os passeios.

Realizar essa pesquisa com tempo abre espaço para você comparar preços e aproveitar promoções quando elas surgirem. Além disso, essa medida simples também permite que você tenha mais tempo para pagar (em caso de parcelamento). Uma dica importante é priorizar viajar em baixa temporada, que costuma ter preços mais acessíveis e menos lotação.

Cozinhe por conta própria

Outra sugestão simples e eficiente para gastar menos nos passeios é cozinhar em seu local de hospedagem sempre que possível. Os hostels costumam oferecer infraestrutura na cozinha para os hóspedes poderem preparar as refeições durante o dia. O ideal é tomar um café da manhã bastante reforçado e almoçar no final da tarde para aproveitar bem o dia e os passeios.

Caso opte por almoçar mais tarde, é importante levar algo leve para comer nesse período (uma fruta, um suco ou um aperitivo rápido). É importante verificar a possibilidade de levar comida em alguns passeios (já que há alguns lugares em que é proibido entrar com água e alimentos, como museus, teatros, centros culturais, entre outros).

A gastronomia local é algo importante para se conhecer em um lugar. Por isso, é interessante comer pelo menos uma vez no destino escolhido. Ao fazer isso, priorize os restaurantes e bares locais, frequentados pelos moradores. Além de te ajudar a poupar dinheiro, isso também oferece a possibilidade de conhecer um pouco mais a cultura local.

Atrações gratuitas

Outra dica valiosa é procurar os passeios gratuitos que você pode realizar no destino escolhido. Via de regra, é comum que visitas a lugares naturais (como praias, cachoeiras, rios, montanhas) não exijam o pagamento de um valor para serem visitados. Mesmo nos locais que exigem o pagamento de bilhetes de entrada, sempre há algum dia da semana que oferece visitas gratuitas.

O recomendado é pesquisar com antecedência e montar um documento com os dias e horários em que há atrações gratuitas. Agrupe os locais a serem visitados a partir da proximidade geográfica (o que te permite economizar tempo e dinheiro de deslocamento). Se o tempo de viagem não for muito apertado, também vale utilizar transporte público sempre que possível. Essa é outra forma de conhecer melhor a realidade local.

Poucas lembrancinhas

Alguns viajantes costumam comprar “lembrancinhas” (para si e para outras pessoas) em cada lugar que passam. Além de fazer o viajante carregar peso, isso acaba impactando o orçamento final da viagem.

Por isso, selecione com cautela os souvenirs que vai levar do local visitado. Também é recomendado esperar alguns dias até começar a comprar algumas coisas, pois você já terá passado alguns dias no destino e saberá avaliar a variedade e preço dos objetos. Antes de comprar lembrancinhas, é importante se perguntar se aquele item realmente remete ao lugar e se não poderia ser encontrado onde você mora.

Fonte: Redação

Este site utiliza cookies para melhorar o desempenho e entregar uma melhor experiência de navegação para você, além de recomendar conteúdos do seu interesse.
Saiba mais em. Política de Privacidade

ACEITAR
Aviso de cookies