Sicredi passa a operar nova fase do Pronampe

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Programa Nacional de Apoio às Microempresas e Empresas de Pequeno Porte tem o intuito de fomentar o empreendedorismo com linhas de crédito mais acessíveis

O Sicredi, instituição financeira cooperativa com mais de 6 milhões de associados e presença nos 26 estados e Distrito Federal, inicia as operações de crédito da nova fase do Pronampe. Nesta fase, é previsto o limite de R$ 7 bilhões para o Sicredi entre os R$ 50 bilhões disponibilizados aos empreendedores via o Programa.

Criado em 2020 como uma linha de crédito emergencial para incentivar o empreendedorismo brasileiro, o Pronampe passou a ser permanente e busca oferecer crédito a taxas mais atrativas aos micro e pequenos empresários, com faturamento anual de até R$ 360 mil e R$ 4,8 milhões, respectivamente, além de MEI, com faturamento anual R$ 81 mil. Atualmente, as condições do financiamento são de juros igual a Selic + até 6% ao ano, com prazo de 48 meses, o que inclui a carência de 11 meses para o pagamento da primeira parcela.

“O Sicredi sempre foi parceiro das micro e pequenas empresas, atuando de forma muito próxima a esse público. Fazemos questão de participar do Pronampe para tentar atender ao máximo essa parcela tão importante da sociedade, essencial para geração de empregos e renda”, comenta Elenilton Souza, Gerente de Produtos de Crédito do Sicredi.

Como e quem pode solicitar o empréstimo

Com o Pronampe, empresas com mais de um ano de existência podem solicitar até 30% da sua receita bruta anual registrada em 2021 em crédito. No caso de empresas mais novas, é possível solicitar até 50% do capital social ou 30% da média de faturamento mensal (será considerado o maior valor entre os dois). O valor limite é de R$ 108 mil para microempresas, R$ 150 mil para as pequenas, R$ 24,3 mil para MEIs. Valores contratados nas fases anteriores do programa não irão influenciar no teto de empréstimo.

Para solicitar o empréstimo, as empresas devem primeiramente acessar o e-CAC, portal disponível no site da Receita Federal, e autorizar o compartilhamento dos dados de faturamento com a instituição de sua preferência. A partir de então, o empresário está apto a negociar o crédito somente com esta instituição financeira.

“Participamos do Pronampe desde sua criação e, somando as mais de 68 mil operações das fases anteriores, o Sicredi já ofereceu R$ 3,8 bilhões em crédito. A nossa expectativa com a nova fase do programa é seguir fomentando o empreendedorismo e a geração de empregos no Brasil”, completa o executivo.

Sobre o Sicredi

O Sicredi é uma instituição financeira cooperativa comprometida com o crescimento de seus associados e com o desenvolvimento das regiões onde atua. Possui um modelo de gestão que valoriza a participação dos mais de 6 milhões de associados, que exercem o papel de donos do negócio. Com mais de 2.200 agências, o Sicredi está presente fisicamente em todos os estados brasileiros e no Distrito Federal, disponibilizando mais de 300 produtos e serviços financeiros.

Site do Sicredi: www.sicredi.com.br

Este site utiliza cookies para melhorar o desempenho e entregar uma melhor experiência de navegação para você, além de recomendar conteúdos do seu interesse.
Saiba mais em. Política de Privacidade

ACEITAR
Aviso de cookies